Como funciona o sistema de financiamento imobiliário?


como funciona o sistema de financiamento imobiliário?

O sonho de todo brasileiro é a aquisição da casa própria e a maioria das pessoas utilizam o financiamento imobiliário para concretizar esse sonho.

O governo brasileiro também tem um programa para auxiliar as famílias de baixa renda a conquistar o sonho da casa própria, para saber mais sobre o programa (O que é subsídio na compra do imóvel?) você pode ler clicando AQUI!


Existem vários meios para conquistar o sonho da casa própria e antes de iniciar nessa jornada, que deve ser cuidadosa para evitar que o sonho se torne um pesadelo, é importante conhecer sobre os sistemas de financiamento imobiliário.


Sistema de financiamento imobiliário é um empréstimo feito por uma instituição financeira para a aquisição de imóvel pronto, em construção, compra de terreno ou ampliação do imóvel.


Os mais utilizados no Brasil são o Sistema Financeiro de Habitação (SFH) e Sistema Financeiro Imobiliário (SFI).


O SFH foi criado pela Lei 4.380/64 que regulamenta as condições do financiamento imobiliário, como por exemplo, taxas, juros, prazos entre outros.


Esse sistema possibilita o comprador a usar o FGTS na aquisição do financiamento e ele deve ser usado apenas para compra de imóveis residenciais. Para usar o financiamento não pode ter restrições junto aos órgãos de crédito, deve ser usado para a compra do primeiro imóvel e não pode ter outro imóvel registrado em seu nome.


Por outro lado, as condições do SFI são definidas pelos Agentes Financeiros esse sistema foi criado pela Lei 9.514/97 e pode ser utilizado tanto por pessoas físicas como por pessoas jurídicas.


Cada sistema tem suas peculiaridades, por isso é necessário analisar qual melhor se encaixa as necessidades de quem está comprando o imóvel.


Os financiamentos normalmente tem um prazo longo, entre 30 e 35 anos, por isso é necessário ficar atento nas taxas de juros e nos sistemas de amortização utilizados em cada programa.


Muitas pessoas também compram imóvel direto com o proprietário e utilizam o sistema de financiamento para adquirir os imóveis.


Nesses casos é importante saber Quais as desvantagens de Comprar Imóvel direto com o proprietário , pois a legislação aplicada no contrato é diferente para quem compra com o auxílio da imobiliária.


Saiba também qual é o prazo para desistir da compra de um imóvel clicando AQUI!

É importante saber que o comprador só se tornará o real proprietário do imóvel quando terminar de pagar as parcelas do financiamento e pegar a Escritura Pública e levar para o Registro no Cartório de Registro de Imóveis competente.